DestaqueIbiporã

Prefeitura de Ibiporã entrega revitalização do Jardim John Kennedy

Bairro recebeu recape asfáltico, duplicação do sistema de captação de água, substituição da iluminação. Escola Sebastião Luiz será ampliada e reformada

A manhã do último sábado (30) foi um dia histórico e festivo para os moradores de um dos bairros mais antigos de Ibiporã, o Jardim John Kennedy, na saída para Jataizinho. A Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Obras, entregou oficialmente as obras de revitalização do local. Na ocasião, o prefeito João Coloniezi assinou a ordem de serviço da reforma e ampliação da Escola Municipal Sebastião Luiz de Oliveira.

O evento integrou o calendário de comemorações pelos 72 anos de emancipação política de Ibiporã, celebrados no dia 8 de novembro. Além do prefeito, prestigiaram a solenidade vereadores, secretários, diretores, servidores, comunidade escolar e moradores do John Kennedy.

O bairro recebeu várias melhorias, tais como recape asfáltico em todas as ruas, meio fio, construção de bocas de lobo, calçada, calçamento em paver no entorno da escola, sinalização viária, substituição da iluminação, duplicação do sistema de captação de água, revitalização da Academia ao Ar Livre, recuperação da ponte na entrada do bairro, desassoreamento do córrego e troca do alambrado da quadra de esportes.

A Secretaria de Obras executou 12.590 m² de recape asfáltico com Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), material que suporta tráfego mais pesado. O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) readequou o traçado da rede de água e esgoto, com a construção de 11 poços de visita. Os investimentos foram de R$1,2 milhão, provenientes integralmente de recursos municipais. “As obras foram executadas com recursos, servidores e maquinário da Prefeitura. Se fôssemos licitar a contratação de empresas, os gastos superariam os R$4 milhões. O governo municipal sente-se muito feliz e honrado de entregar à comunidade um bairro revitalizado, devolvendo dignidade e qualidade de vida a todos”, ressaltou o secretário de Obras, Alexandre Lourenço.

Em seu discurso, a presidente da Associação de Moradores do Jardim John Kennedy, Simone Pinto, lembrou que antes da intervenção do governo municipal o bairro estava abandonado, com asfalto deteriorado, entupimento das galerias pluviais. Quando chovia, a situação piorava, porque a água inundava as residências. “Antes da revitalização, havia vários lotes à venda. Depois das benfeitorias, a maioria dos terrenos foi comercializada. Até pensam que aqui é um condomínio fechado”, comentou a moradora.

O prefeito João Coloniezi agradeceu o empenho de todos na execução da obra e à paciência e colaboração dos moradores com as dificuldades enfrentadas pela Prefeitura para a execução dos serviços, tais como excesso de chuvas e trâmites burocráticos. “Como em tudo na vida, na esfera pública as coisas só acontecem com planejamento e disposição para fazer. Antes de ser prefeito já conhecia as necessidades deste bairro, que com mais de 60 anos de existência nunca havia recebido uma intervenção como esta. Passamos por várias dificuldades durante o andamento da obra, como as fortes chuvas do final do ano passado, as quais levaram parte dos trabalhos executados. A vida dos moradores do John Kennedy foi transformada com serviços”, enfatizou o prefeito.

O governo municipal tem dado especial atenção aos bairros distantes do centro, os quais havia muitos anos não recebiam intervenções, como é o caso do Jardim John Kennedy, além do Residencial Terra Bonita e da Taquara do Reino, cujas obras de recuperação asfáltica, dentre outras melhorias foram entregues durante o mês de novembro. “Quem mora nos bairros periféricos precisa receber a mesma atenção de quem reside na área central. Essa é a nossa filosofia, trabalhar para todos, levando qualidade de vida à população”, concluiu Coloniezi.

 

Reforma e ampliação da escola municipal

Juntamente com a entrega oficial da revitalização do bairro, o prefeito João Coloniezi assinou a ordem de serviço para a reforma e ampliação da Escola Municipal Sebastião Luiz de Oliveira. A edificação receberá 217 m² de ampliação e 553 m² de reforma, totalizando 770 m² de melhorias. Conforme a Secretaria de Obras, a unidade de ensino ganhará uma nova sala de professores e de multimeios, ampliação do refeitório, pátio coberto com playground, além de pintura, troca do forro, calhas, instalação de uma cobertura na entrada, adequações nos banheiros, rampas de acesso e telas de proteção nas janelas.

O valor a ser investido nessa benfeitoria é de R$402 mil, totalmente custeados com recursos municipais. A empresa responsável pela obra é a J.A. Pereira Construções Civis LTDA, de Ibiporã, vencedora da licitação. A empresa terá seis meses para executar o serviço, iniciado na semana passada. A instituição possui atualmente 104 alunos matriculados no Ensino Fundamental I (1ª ao 5º ano). “Quando assumi a Secretaria Municipal de Educação nesta gestão, concluímos uma reforma que não estava finalizada. No entanto, percebemos que a estrutura atual não mais atendia às necessidades da escola, por ser em período integral, o que obrigava o aluno a ficar o dia todo dentro da sala de aula. Com um prédio reformado e ampliado, as crianças contarão com um espaço agradável para a prática de atividades físicas. Já a área de lazer terá um parquinho temático e servirá muito bem aos moradores do Jardim John Kennedy. Que Deus abençõe a todos que conduzirão a reforma da escola, à direção, os alunos. O meu pedido é que ajudem o poder público a cuidar e conservar de todos estes benefícios que vocês estão conquistando”,  solicitou a secretária Margareth Coloniezi.

Acompanhada da filha na solenidade de entrega das obras, a pedagoga Jamaica Ozório agradeceu o empenho da administração municipal em atender as reivindicações dos moradores. “Antes do recape aqui era uma tristeza. Nem precisava chover muito para o córrego transbordar, as ruas ficarem enlameadas e a água invadir as casas. Muitas crianças até faltavam às aulas por conta do barro. Agora tenho orgulho de dizer que moro no John Kennedy. A minha filha também está muito ansiosa com as obras na escola, porque gosta muito de estudar aqui”, revelou Jamaica.

 

 

 

Via
Assessoria PMI

Artigos relacionados