Um policial civil, identificado como Antonio Gabriel Castanheira, armado com um fuzil e granadas, invadiu na quarta-feira (18) o condomínio onde mora o empresário Luiz Mussi, em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba.

O policial teria sido orientado pela irmã do empresário Liliane Mussi para acessar a casa. O empresário teria discutido com a irmã e impedido que o policial passasse pelo portão. A entrada dá acesso a outras propriedades da família.

O advogado Claudio Dalledone, que defende o policial, afirma que Castanheira foi impedido de entrar na própria casa. “O policial mora no mesmo condomínio que o Luiz Mussi. O Mussi impediu a entrada dele, com seguranças armados, cães e um trator. O policial fez uso progressivo da força pra enfrentar essa situação criminosa que ele estava sendo vítima”, diz

“O Luiz Mussi responde a três acusações na delegacia, e a um pedido de providência no Ministério Público de Campo Largo porque cortou energia da casa. Ele responde por invasão de domicílio. responde por ter destruindo a cerca e de forma criminosa inverter a situação. O policial agiu em legítima defesa, pois tinha dois homens armados impedindo a entrada dele. Luiz Mussi está trancando uma estrada pública de forma ilegal, há cinco anos, fazendo um pórtico. A prefeitura vai notificar para que ele faça a demolição”, afirma o advogado.

“É um condomínio da família Mussi. A irmã dele cedeu em comodato para que o policial more na casa dela”, explica Dalledone.

Depois de invadir a guarita, ameaçar os seguranças, o policial deu vários tiros dentro da propriedade e disparou um granada. Ele teria entrado na casa e “arrancado bambus”, feito ameaças, e saído. O carro usado pelo policial, uma BMW, tem placas de carro reservado do Estado.

O empresário Luiz Mussi deve conceder entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (20) para falar sobre o caso. Mussi é proprietário do canal de Mercosul, filial da Record News no Paraná.

A assessoria da Polícia Civil informou que vai apurar mais informações e deve passar um posicionamento ao longo do dia.

O advogado Cláudio Dalledone encaminhou o boletim de ocorrência, veja:


Warning: A non-numeric value encountered in /home/u518741285/domains/portaltudo.com.br/public_html/wp-content/themes/portal2017/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009