O Paraná é o primeiro estado brasileiro a adotar as metas globais definidas pelas Nações Unidas para o desenvolvimento sustentável. Entre os objetivos, está a erradicação da pobreza. O anunciou foi feito durante reunião do governador Beto Richa com o coordenador do Sistema Nações Unidas no Brasil, Niky Fabiancic, nesta quarta-feira (27), no Palácio Iguaçu.

O governador já assinou decreto incluindo os 17 objetivos previstos na Agenda 2030, como meta do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social do Paraná.

“A assinatura demonstra o interesse do Governo do Paraná em dar o apoio necessário para a construção de políticas públicas perenes e de acordo com a agenda das Nações Unidas. Com o apoio da ONU, iremos avançar nas tratativas para viabilizar essas ações que buscam o crescimento e o desenvolvimento sustentável do Paraná”, afirmou Richa.

PIONEIRO – O coordenador da ONU no Brasil, Niky Fabiancic, disse que o Paraná é o primeiro estado do Brasil a adotar as metas definidas. “Com esse decreto, o Paraná se compromete a investir em ações nos cinco eixos do desenvolvimento sustentável, que são pessoas, planeta, parcerias, prosperidade e paz. Isso é muito importante e pode servir de exemplo e se estender para o resto do país””, afirmou Fabiancic.

Ele destacou a parceria da ONU com o Paraná e defendeu o trabalho conjunto nas áreas de inclusão social, geração de emprego, juventude e segurança. “Possuímos uma série de iniciativa que podem fazer parte de um pacote para auxiliar o Estado e os municípios”, disse.

FAMÍLIA PARANAENSE – O governador afirmou que o estado já tem várias iniciativas para erradicação da miséria e para o desenvolvimento sustentável. “Nosso Estado tem muitas políticas públicas sustentáveis que podem ser compartilhadas no Brasil e na América Latina”, disse ele, citanto o Família Paranaense, que é o principal programa do Governo do Paraná para a superação da pobreza e emancipação das famílias.

O programa é coordenado pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, em parceria com 18 secretarias de Estado e órgãos estaduais, além dos municípios. Desde a implantação, mais 230 mil famílias foram atendidas, um investimento de R$ 131 milhões.

“O programa tem sucesso ao aliar erradicação da miséria e inserção no mercado de trabalho, é considerado modelo para o Banco Intermericano de Desenvolvimento e já foi levado para países da América Latina e Caribe”, afirmou a secretária da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa. Durante a reunião, Beto Richa também reforçou o apoio do Governo do Estado para a instalação de um escritório da ONU em Curitiba. A estrutura deve possibilitar um intercâmbio de experiências, práticas e políticas públicas para a criação de projetos de aplicação nos municípios e no Estado.


Warning: A non-numeric value encountered in /home/u518741285/domains/portaltudo.com.br/public_html/wp-content/themes/portal2017/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009