CambéDestaque

Padre preso em Cambé por ameaçar divulgar fotos íntimas de jovem é solto

Um padre de 37 anos foi preso na noite deste domingo (8) em um seminário no centro de Cambé. Segundo a Polícia Civil, uma jovem de 20 anos registrou um Boletim de Ocorrência (B.O) contra ele por ameaças. Ela mora em Campina da Lagoa, na região de Campo Mourão, a 180 quilômetros de Londrina, onde conheceu o padre Izaias da Conceição.

A mulher, que não teve o nome divulgado, alega que estava passando por problemas pessoais e familiares indicaram o sacerdote para ajuda-lá. Com isso, eles se tornaram amigos e posteriormente começaram o caso amoroso, quando ela tinha 15 anos e teria durado aproximadamente cinco anos.

“Passado um tempo, ela foi amadurecendo, percebeu que estava errado e tentou romper e ele passou ameaça-la”

DELEGADO ROBERTO FERNANDES
Ela informou à polícia que enviava fotos nua para o padre quando ele pedia. Quando o relacionamento chegou ao fim, ele teria enviado diversas mensagens por meio de um aplicativo, dizendo que iria publicar essas imagens em uma rede social. O objetivo do religioso seria retomar o caso.

“Ele ameaçava dizendo que iria contar para a família dela, que acreditaria nele já que é padre. Na hora que ela estava registrando o BO, ele estava mandando mensagens por meio do aplicativo de mensagens ameaçando. Com isso, ,o delegado de plantão determinou que os policiais fossem até o seminário e atuasse o padre em flagrante”, explicou o delegado.

A denuncia foi protocolada na Delegacia da Mulher de Londrina. A jovem teria se deslocado até o Norte do Paraná para conversar com Izaias acompanhada de seu irmão, mas foi orientada por uma advogada para buscar a polícia. Ele pagou fiança no valor de R$ 1.500 e responderá o processo em liberdade. O celular dele foi apreendido e passará por perícia. Outras pessoas serão ouvidas durante as investigações. “Ele chamou o direito de permanecer em silêncio, não deu a versão e falará somente em juízo”, concluiu Roberto Fernandes.

Izaias da Conceição faz parte do Conselho Diocesano de Formadores de Campo Morão. A reportagem procurou a Diocese da cidade, que informou ainda não ter conhecimento suficiente sobre o caso para conceder entrevista. O sacerdote não foi encontrado.

Via
Paiquerê

Artigos relacionados