DestaqueLondrina

Município divulga programa de crédito para incentivar o empreendedorismo feminino em Londrina

Pelo Banco da Mulher Paranaense, da Fomento Paraná, as empreendedoras podem obter taxas especiais para empréstimos

Para estimular o empreendedorismo feminino em Londrina, a Secretaria Municipal do Trabalho, Emprego e Renda (SMTER) divulga o programa Banco da Mulher Paranaense, da Fomento Paraná. Na sede da SMTER, agentes credenciados pela Fomento estão disponíveis para oferecer o crédito orientado às mulheres que exercem atividades produtivas, com taxas reduzidas e condições melhores de financiamento.

Foto: Secretaria da Mulher / Divulgação

E ontem, segunda-feira (19), o secretário municipal de Trabalho, Emprego e Renda, Gustavo Santos, foi até a Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SMPM) apresentar esse programa especial de crédito para a secretária da pasta, Liange Doy Fernandes, e sua equipe.

A visita teve como objetivo promover o Banco da Mulher, de forma a ampliar o suporte às empreendedoras locais e permitir que elas invistam em seus micro e pequenos negócios.

Atualmente, a Prefeitura já conta com um núcleo de desenvolvimento voltado a empreendedoras, por meio da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres; que também promove a Feira Arte Mulher, evento de comercialização que reúne uma série de produtos e serviços feitos por mulheres assistidas pela SMPM.

A secretária municipal de Políticas para as Mulheres, Liange Doy Fernandes, ressaltou a importância dessas ações desenvolvidas. “A autonomia e o incentivo ao empreendedorismo feminino é um dos motes do Centro de Oficinas para as mulheres e a Feira Arte é um projeto muito importante na promoção dessa autonomia. É papel da SMPM possibilitar o acesso a todas as informações necessárias para aumentarem suas rendas, tão atingidas no período de pandemia” explicou.

E o secretário municipal do Trabalho, Emprego e Renda, Gustavo Santos, destacou as ações conjuntas das duas pastas. “Temos uma parceria muito forte com a SMPM. Ofertamos atendimento especial para mulheres vítimas de violência, na intermediação de mão de obra; temos um projeto de qualificação que construímos juntos e está saindo do forno; e divulgamos sempre as ações de capacitação realizadas pela SMPM; por exemplo. Dessa forma, fazemos com que os serviços cheguem a quem precisa”, elencou.

Sobre – O programa Banco da Mulher Paranaense é uma iniciativa do governo do Estado, por meio da Fomento Paraná, que oferece o crédito orientado às mulheres que desenvolvem atividades produtivas com taxas subsidiadas e condições facilitadas de pagamento.

As empreendedoras contam com linhas de crédito que permitem um financiamento de até R$ 20 mil. O pagamento desse recurso pode ser dividido em 36 parcelas, com possibilidade de aplicar carência de até três meses e os juros partem de 0,45% ao mês. Uma grande facilidade do programa é que mesmo quem ainda não constituiu seu CNPJ pode acessar até R$ 5 mil para iniciar suas atividades.

Em Londrina, os agentes de crédito credenciados pela Fomento Paraná estão na SMTER. As empreendedoras da cidade que queiram mais informações sobre o programa podem entrar em contato com a agente de crédito Miriam Miura, pelo WhatsApp (43) 3373-5701.

 

 

Via
Assessoria PML

Artigos relacionados