BrasilManchetePolicial

Mãe morre baleada ao proteger filho de três anos em guerra do tráfico no Rio

Ações criminosas passaram de 24 horas. Traficantes investiram contra o Complexo de São Carlos, na região central, na noite desta quarta-feira (26), mas ações criminosas têm reflexos desde a tarde

Uma guerra entre traficantes pelo controle do Complexo de São Carlos, na região central do Rio de Janeiro, já impôs mais de 24 horas de violência aos cariocas em diferentes partes da cidade.

A investida aconteceu no início da noite de quarta-feira (26), com um intenso tiroteio que pôde ser ouvido de várias partes do Rio Comprido e de bairros vizinhos. No início da tarde desta quinta (27), os tiroteios voltaram a ocorrer.

Pelo menos três episódios estão, segundo a PM, ligados à invasão:

  1. o confronto a tiros na Lagoa, Zona Sul, com dezenas de disparos e granadas;
  2. a morte de Ana Cristina, atingida por tiros de fuzil, quando protegia o filho de um tiroteio;
  3. o sequestro de uma família em um condomínio por um bandido em fuga da polícia.

Não se sabia, até a última atualização desta reportagem, se os morros foram de fato tomados.

Até a última atualização desta reportagem:

  • duas pessoas morreram — um suspeito, antes do sequestro, e Ana Cristina;
  • cinco pessoas foram feridas — o porteiro do condomínio feito refém, o sequestrador, dois de seus comparsas e um PM;
  • cinco homens foram presos — dois no confronto da Lagoa, dois antes do sequestro e o sequestrador.

Ana Cristina da Silva, de 25 anos, estava indo com o filho para o bar onde trabalhava quando ficou no meio do tiroteio na Rua Azevedo Lima — um dos acessos ao São Carlos.

No momento dos disparos, ela se curvou sobre o filho de 3 anos para protegê-lo e acabou atingida por tiros de fuzil na cabeça e na barriga.

O forte tiroteio impediu que a Ana Cristina fosse socorrida pelo Corpo de Bombeiros, segundo informado pela assessoria da corporação.

Parentes a levaram para o Hospital Souza Aguiar, mas Ana Cristina já chegou sem vida.

Via
G1

Artigos relacionados