Acordes dos mais variados tons, timbres e estilos invadirão palcos, praças, igrejas, teatros e áreas de lazer da cidade nas próximas semanas. Com mais de 70 atrações artísticas na programação e cerca de 1,8 mil inscrições em 60 cursos da área pedagógica, começa hoje o 36º Festival Internacional de Música de Londrina (FIML). Um concerto com a premiada Banda Sinfônica do Exército Brasileiro marca a abertura festiva do evento que prossegue até o próximo dia 21. A apresentação acontece às 20h30, na Catedral Metropolitana, com entrada gratuita.

Nesta edição o festival terá três aberturas diferentes. “A programação pedagógica será aberta hoje, às 17 horas, no Auditório do Sesi/AML, com o III Encontro do Fórum Permanente de Formação de Professores de Música, o III Encontro Nacional do PIBID Música e o 20º Simpósio Paranaense de Educação Musical. A segunda, que chamamos de Abertura Festiva, será às 20h30, na Catedral, com a apresentação da Banda Sinfônica do Exército Brasileiro, que marca a grade artística do evento. E teremos ainda a solenidade oficial de abertura, que acontece na próxima segunda-feira, às 20h30, também na Catedral, reunindo a Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual de Londrina (Osuel), coros convidados e solistas internacionais”, detalha o pianista Marco Antonio Almeida, diretor artístico do FMIL.

Entre os destaques da programação artística do evento, está o Concerto Azul da Caixa, que será realizado no próximo domingo, às 16h30, no Zerão. “Na ocasião haverá apresentação da Orquestra de Viola Caipira do 36º FIML, formada pela junção da Orquestra Londrinense de Viola Caipira, e outras orquestras do Paraná, reunindo cerca de 150 violeiros, além da participação especial de Samuca do Acordeon. Outro destaque será a participação de 75 jovens instrumentistas atendidos por cinco projetos sociais desenvolvidos em áreas carentes do Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre, que se apresentarão com o Osuel no próximo domingo. Isso demostra o compromisso do evento com a educação musical e a cidadania. É o FMIL formando orquestra e transformando vidas”, salienta.

Ele enfatiza que as atividades do Fórum Permanente de Formação de Professores de Música, do Encontro Nacional do PIBID Música e do Simpósio Paranaense de Educação Musical ajudam o compromisso do festival com a educação. “Esses eventos contam com a participação de representantes de importantes entidades ligadas a políticas básicas de ações educacionais na área de música. É um segmento que ficou paralisado durante muito tempo. E o FMIL talvez seja o único festival do País a promover atualmente este tipo de ação”.

Almeida destaca ainda a variedade de atrações que serão desenvolvidas durante o evento, que a partir deste ano passa a ter a chancela de Festival Internacional de Música de Londrina. “Há muitos anos que o festival merece esta chancela, pois desde sempre recebemos renomados professores e artistas do Brasil e do exterior que participam da Mostra Londrina, Mostra Nacional e da Mostra Internacional de Música realizada durante o evento. Este ano, por exemplo, estamos recebendo músicos da Polônia, Alemanha e Rússia, entre outros países”, argumenta.

O diretor afirma que graças à credibilidade adquirida em quase quatro décadas de existência, o FMIL tem conseguido obter importantes patrocínios apesar da crise financeira e econômica que o País atravessa. “O festival está orçado em R$ 1 milhão. Este ano contamos com quatro patrocinadores de peso: Petrobras, Vivo, BNDES e Unopar. Além do Governo do Estado e da prefeitura de Londrina por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), que é sempre o primeiro órgão a nos apoiar. O interessante é que tem sido mais fácil convencer empresas de fora do que as locais. É uma pena que a maioria dos empresários daqui não deem um apoio à altura do que o festival movimenta na cidade, entre transporte, hospedagem, alimentação e compras”, ressalta Almeida.

O 36º Festival Internacional de Música de Londrina é uma realização da Secretaria de Estado da Cultura – Governo do Estado do Paraná, Secretaria Municipal da Cultura, Casa de Cultura da Universidade Estadual de Londrina e Associação de Amigos do FIML. Patrocínio: BNDES; Vivo, por meio da plataforma VivoTransforma; Unopar; Petrobras (Petróleo Brasileiro S/A); Caixa; Sistema FIEP/SESI; Vernie Citroen; Vanguard Home; Marajó Fiat; Unimed Londrina; Crillon Palace Hotel e Colégio Maxi. Realização: Ministério da Cultura – Lei Rouanet de incentivo à cultura.

album festival de música


Warning: A non-numeric value encountered in /home/u518741285/domains/portaltudo.com.br/public_html/wp-content/themes/portal2017/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009