Crianças entre seis meses e menores de cinco anos de idade que foram imunizadas durante a Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza (Gripe) – encerrada no último dia 20 de maio -, devem receber a segunda dose da vacina. Em Ibiporã, 510 crianças nesta faixa etária devem receber o reforço.

Todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Ibiporã estão aplicando a vacina gratuitamente até o dia 20 de junho. “Somente com a aplicação da segunda dose é que a criança estará completamente imunizada”, frisa a coordenadora da Vigilância Epidemiológica e do Programa de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Sebastiana Caetano, lembrando que a imunização deve ser feita 30 dias após o recebimento da primeira dose da vacina.

Para se imunizar é necessário levar o cartão de vacinação e Cartão SUS.  A vacina – trivalente – é eficaz contra os três tipos do vírus da gripe mais circulantes no País – Influenza A (H1N1), Influenza A (H3N2) e Influenza B e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações ou, até mesmo, óbitos. Estudos demonstram que a vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.

A imunização somente é contraindicada em casos muito específicos, como histórico de reação anafilática em doses anteriores e alergia grave relacionada ao ovo de galinha e seus derivados. “Em doenças agudas febris moderadas ou graves recomenda-se adiar a vacinação até a resolução do quadro com o intuito de não se atribuir à vacina as manifestações da doença”, explica Sebastiana.

A coordenadora de do Programa de Imunização ressalta que a vacina será aplicada apenas em crianças entre seis meses e menores de cinco anos de idade, pois não sobraram doses para serem aplicadas em pessoas pertencentes ao público-alvo da campanha, realizada entre 25 de abril e 20 de maio, que por ventura não tenham se vacinado.

Este ano Ibiporã superou novamente a meta de vacinação contra a gripe, durante a campanha nacional. Segundo balanço divulgado pelo Setor de Epidemiologia da Secretaria de Saúde, 9.600 doses foram aplicadas, o que corresponde a 91,41% do público-alvo definido pelo Ministério da Saúde: pessoas com mais de 60 anos, crianças de seis meses até 4 anos 11 meses e 29 dias, gestantes, puérperas  – mulheres no período até 45 dias após o parto-, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, indígenas, trabalhadores da saúde, portadores de doenças crônicas e trabalhadores e detentos do sistema prisional. Nenhum caso de gripe H1N1 foi confirmado até agora em Ibiporã.


Warning: A non-numeric value encountered in /home/u518741285/domains/portaltudo.com.br/public_html/wp-content/themes/portal2017/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009