CidadesDestaquePoliciaPolicial

Ossada encontrada em Rolândia pode ter sido descartada por instituição de ensino

A polícia encontrou indícios, na manhã desta quinta-feira (22), de que a ossada humana encontrada no aterro sanitário de Rolândia, na terça-feira (20), possa pertencer a alguma instituição de ensino.

De acordo com o delegado da Polícia Civil de Matelândia, Bruno Rocha, os ossos têm adesivos colados e indicam que são propriedade pública. Segundo ele, o cadáver pode ter sido repassado como objeto de estudo para alguma instituição de ensino, que teria descartado o material no aterro.

Caso a informação seja confirmada, a denúncia será retirada do campo criminal e deve ser reconhecida como ação de descarte irregular, com penalidade para a instituição de ensino responsável.

Os ossos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Londrina para análise.

 

Com informações da Massa News

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close