GeralParanáTecnologia

Novo site do Simepar traz previsão atualizada a cada hora

No Dia Meteorológico Mundial, 23 de março, o Simepar – Sistema Meteorológico do Paraná lança sua nova página na Internet com novidades de conteúdo e visualização. A principal é a previsão do tempo para até dois dias e atualizada a cada hora.

O horizonte da previsão, que antes era de cinco dias, agora será de 15 dias. Além disso, os dados sobre as condições atuais do tempo estarão mais acessíveis na abertura da página. Imagens de modelo numérico e dados gerados a cada hora pelas 50 estações hidrometeorológicas do Simepar ficarão disponíveis para consulta pública.

A página do Simepar registra em média 1,4 milhão de visitas mensais e está entre as mais acessadas do Paraná. Segundo a técnica em meteorologia que coordenou a remodelação, Vanessa D´Ávila, o objetivo é oferecer ao usuário conteúdo de alta qualidade por meio de recursos contemporâneos de webdesign e tecnologia da informação, aliando utilidade, funcionalidade, navegabilidade e responsividade.

O novo ambiente digital segue a tendência de compartilhamento de conteúdos que podem ser acessados facilmente em dispositivos móveis de modo a proporcionar uma experiência agradável.

“A página evidencia o principal diferencial qualitativo dos serviços prestados pelo Simepar: o nowcasting”, explica o diretor-presidente do Simepar, Eduardo Alvim Leite. O termo é uma contração das palavras de língua inglesa now e forecasting para designar a geração de previsões imediatas baseadas no monitoramento das condições meteorológicas recentes em tempo real.

MENSAGEM – “Prontos para o Tempo, Preparados para o Clima” é o tema da mensagem deste ano divulgada pela Organização Meteorológica Mundial (WMO – World Meteorological Organization) para comemorar a data. A intenção é realçar o empenho da comunidade internacional para a tomada de decisões e medidas a fim de enfrentar os eventos meteorológicos de alto impacto decorrentes da mudança climática.

“O tempo, o clima e a água são vitais para o bem-estar público, a saúde e a segurança alimentar, mas também podem ser destrutivos”, afirma o secretário-geral da entidade, Petteri Taalas. Ele observa que o meio ambiente tem sido a maior preocupação das lideranças internacionais no Relatório de Riscos Globais do Fórum Econômico Mundial. O documento aborda questões como clima extremo, perda de biodiversidade e colapso do ecossistema, grandes desastres naturais e ambientais, falhas na mitigação e na adaptação às mudanças climáticas.

A redução substancial da quantidade de vidas perdidas devido a eventos climáticos severos nos últimos trinta anos tem sido atribuída ao incremento na precisão da previsão do tempo e ao melhor gerenciamento de desastres. Nesse contexto, a WMO enfatiza a importância de sistemas eficientes de alerta precoce multirrisco para aumentar a resiliência de indivíduos, comunidades, governos e setores econômicos.

A entidade defende a necessidade de investimentos na infraestrutura de observação. “A resiliência da sociedade a eventos extremos de tempo e clima deve ser desenvolvida com base nos avanços da ciência e tecnologias para a previsão”, afirma o secretário da WMO. Está em formação um sistema global padronizado de alerta multirrisco com foco na ajuda às populações mais vulneráveis.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close