Foto: TRE-PR

O primeiro eleitor a se registrar com o nome social no cartório de Ibiporã/PR foi Giovanni Augusto da Silva Alves, no dia 5. Nas redes sociais, o eleitor fez um elogio à equipe do cartório: “Eu só tenho a agradecer pelo carinho e respeito com que a equipe me recebeu… Esta é só mais uma das conquistas que ainda virão… Obrigado a todos do Fórum Eleitoral de Ibiporã”. Ainda no mesmo dia, ainda foram registrados mais dois requerimentos de título com o nome social.

A possibilidade de solicitar o título de eleitor com o nome social, nome pelo qual travestis e transexuais desejam ser chamados, teve início no dia 3 de abril. À época, por meio de nota, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, declarou que “todo eleitor tem o direito de ser identificado da forma como enxerga a si próprio e como deseja ser reconhecido em sociedade”.