O DJ e produtor sueco Avicii morreu aos 28 anos nesta sexta-feira (20). O corpo do músico foi encontrado na cidade de Mascate, em Omã, no Oriente Médio. A causa da morte ainda não foi divulgada.

É com profundo pesar que anunciamos a perda de Tim Bergling, também conhecido como Avicii”, diz comunicado da assessoria do DJ enviado à imprensa.

“Ele foi encontrado morto em Mascate, Omã, na tarde desta sexta. A família está devastada e pedimos a todos para respeitar, por favor, a sua necessidade de privacidade nesta ocasião difícil. Declarações adicionais não serão feitas”, diz o comunicado.

Avicii foi um dos maiores nomes da música eletrônica dos últimos anos. Ele nasceu em Estocolmo e assinou com o selo Dejfitts Plays em 2007, aos 17 anos. Em 2013, lançou seu álbum de estreia, “True”, com o hit “Wake me up”, maior sucesso de sua carreira. Em 2015, lançou o álbum “Stories”.

Entre seus outros sucessos estão “Hey brother”, “I could be the one”, “Waiting for love”, “The nights” e “Levels”. Avicii era associado aos subgêneros da música eletrônica de house progressivo, electro house e EDM.

Outros astros da música eletrônica, como Calvin Harris, Marshmello e DJ Snake, lamentaram a morte de Avicii.