DestaqueEducaçãoEsportesIbiporã

Alunos da Rede Municipal realizam atividades relacionadas à Copa

Durante este bimestre (2º bimestre) do ano letivo da Rede Municipal de Ensino de Ibiporã, alunos dos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e escolas municipais estão realizando várias atividades correlacionadas à Copa do Mundo. O tema está sendo trabalhado em todas as disciplinas, de acordo com a metodologia interdisciplinar da Secretaria Municipal de Educação.

Para divulgar e celebrar a maior competição futebolística do planeta, estudantes da Escola Municipal Prefeito Alberto Spiaci (Caic) em conjunto com os alunos da Escola Estadual Ulysses Guimarães – ambas as escolas em funcionamento no mesmo local – promoveram a pintura e decoração do muro de fachada das instituições. Foram cerca de 100 metros de comprimento de concreto pintado com imagens referentes à Seleção Brasileira e ao Brasil.

Aproximadamente 50 litros de tinta foram utilizados na pintura do muro que foi concluída em três dias. As tintas foram adquiridas pela Escola Estadual, entretanto, o custo será divido com a Municipal. O dinheiro será arrecado por meio da realização de promoções.

Conforme a diretora da Escola Alberto Spiaci, Patrícia Bueno, a ideia de pintar o muro surgiu de uma conversa entre os educadores de ambas as instituições. “Quando a gente estudava, fazíamos essas pinturas decorativas nos muros das escolas. Aí comentando sobre isso, a gente resolveu resgatar essa atividade artística, aqui”, explicou.

A diretora também enfatizou a importância de promover atividades como esta com os alunos das duas escolas. “A nossa dualidade administrativa é muito unida, com ambas as administrações conseguindo trabalhar juntas com muita facilidade. Ações como esta, além de proporcionar mais conhecimento aos estudantes, fomentam a união das duas instituições de ensino”, completou Patrícia.

O aluno do 5º ano (Escola Alberto Spiaci), Vitor Gabriel Gomes, afirmou ter gostado da nova experiência. “Eu gostei muito, porque não é sempre que tem nas escolas uma experiência diferente como essa, de poder pintar um muro”, relatou.

O estudante do 6º ano (Escola Ulysses Guimarães), David Weslen da Silva, gostou da ideia e do resultado final da pintura da fachada das escolas. “Eu achei muito bacana essa ideia de decorar o muro, pois ficaram muito bonitos todos os desenhos feitos para representar a Copa. Além disso, colocamos em prática aquilo que aprendemos dentro de sala de aula”, declarou.

No Complexo Educacional Municipal Profª Vera Lúcia P. Casagrande, os alunos também estão realizando diversas atividades referentes à Copa do Mundo 2018, dentre elas, pesquisas sobre os países participantes do evento e criações de tabelas com as partidas entre os times e os resultados dos jogos.

Segundo a professora do 5º ano do Complexo, Magda Furrier, as atividades que a sua turma está realizando sobre a Copa também integram o projeto escolar “Pequeno Príncipe”, o qual faz parte do Programa “A União Faz a Vida”, desenvolvido pelo Sicredi. “Nós temos trabalhado o livro “Pequeno Príncipe”. Dado que o piloto da história caiu no Deserto do Saara, iniciei com as crianças o estudo do planisfério do lugar, como, por exemplo, onde ele está situado. Aí, para englobar isso com a Copa, fomos localizar todos os países participantes do campeonato dentro do planisfério, onde eles ficam, em qual continente… Ademais, pesquisamos a população, cultura e extensão territorial de cada país, e criamos um painel com as especificações e tabelas dos jogos. Tudo isso envolvendo todas as disciplinas”, informou.

Para um dos alunos do 5º ano, Kauan Dal Bello, é fundamental estar ciente de informações como as pesquisadas, estudadas e aprendidas este bimestre. “Aprendi muitas coisas sobre os países com esse trabalho sobre a Copa do Mundo. Agora, com esse conhecimento que eu adquiri, se, por exemplo, no futuro, eu quiser visitar uma dessas nações pesquisadas, já estarei ciente de quais são os costumes dela”, expressou.

O 2º bimestre, com a temática referente à Copa do Mundo, vai até o dia 6 de julho (sexta-feira) nos CMEIs e nas escolas municipais de Ibiporã. As férias escolares iniciam no dia 9 (segunda-feira).

Interdisciplinaridade – Instituída em 2015, a metodologia interdisciplinar trabalha o mesmo tema bimestralmente em todas as disciplinas de todas as instituições municipais de ensino com o objetivo de melhorar a qualidade dos conteúdos e das avaliações aplicados pelos professores dentro de sala de aula. Uma formação continuada é realizada com os docentes visando capacitá-los e aprimorar a educação do município.

De acordo com os conteúdos do planejamento bimestral de cada ano, os professores realizam o desenvolvimento do tema sugerido, articulando-o com todas as disciplinas do currículo escolar. Os temas são escolhidos a partir dos conteúdos comuns do currículo de todos os anos.

“Com esta metodologia, os educadores desenvolvem os conteúdos curriculares integrando teoria e prática em todas as áreas do conhecimento. Dessa forma, os alunos participam efetivamente do processo de aquisição de novos saberes, sendo protagonistas da sua própria aprendizagem”, concluiu a secretária de Educação, Margareth Coloniezi.

De Núcleo de Comunicação Social/PMI

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close